Esporte

13/10/2020 22:18

UNIÃO CACOALENSE AMEAÇA DESISTIR DO CAMPEONATO RONDONIENSE POR FALTA DE PATROCÍNIO, DIZ PRESIDENTE

Nos últimos meses, o clube havia anunciado a renovação e a contratação de seis atletas. Wesley explicou que o clube está buscando fazer um acordo com todos os atletas. – Estamos buscando acordo com todos atletas – disse o dirigente.

Na primeira etapa do Estadual, o União Cacoalense teve a melhor presença de público e a melhor renda como mandante no primeiro turno. Em três jogos, levou 2.823 pessoas para o Aglair Tonelli e obteve uma renda total de R$32.253,00. Logo na sua estreia, contra o Ji-Paraná, o União vendeu mais de 1.600 ingressos – maior público da competição. O presidente do clube explicou que, além de desistir da Série A do Rondoniense, o clube não irá disputar as competições de base.

– Infelizmente, o União só retorna em 2021. Devo está protocolando hoje o pedido de desistência da competição – explicou Wesley.

Com dois títulos estaduais, o União Cacoalense completa em 2020, 15 anos de jejum. Agora, com a desistência do time de Cacoal, a briga pelo título será entre Porto Velho, Real Ariquemes e Ji-Paraná.

O presidente do União Cacoalense, Wesley Dias, informou ao ge.globo/ro que o clube não volta para o Campeonato Rondoniense deste ano, previsto para novembro. Segundo o dirigente, a decisão de não disputar mais o Estadual foi por falta de apoio.

– Estou tirando o time do Estadual. Com a falta de apoio da cidade, eu desanimei. Devido ao Covid, a cidade infelizmente não pode me ajudar com apoio e [por isso], eu decidi não continuar – disse Wesley Dias.


Redes Sociais

versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo